quarta-feira, outubro 29, 2008

O que pode criar um monstro?


Texto de Karina dos Santos Cabral



O que pode criar um monstro? O que leva um rapaz de 22 anos a estragar a própria vida e a vida de outras duas jovens por. Nada?

Será que é índole? Talvez, a mídia? A influência da televisão? A situação social da violência? Traumas? Raiva contida? Deficiência social ou mental? Permissividade da sociedade?

O que faz alguém achar que pode comprar armas de fogo, entrar na casa de uma família, fazer reféns, assustar e desalojar vizinhos, ocupar a polícia por mais de 100 horas e atirar em duas pessoas inocentes?

O rapaz deu a resposta: 'ela não quis falar comigo'. A garota disse não, não quero mais falar com você. E o garoto, dizendo que ama, não aceitou um não.

Seu desejo era mais importante.

Não quero ser mais um desses psicólogos de araque que infestam os programas
vespertinos de televisão, que explicam tudo de maneira muito simplista e falam descontextualizadamente sobre a vida dos outros sem serem chamados.

Mas ontem, enquanto não conseguia dormir pensando nesse absurdo todo, pensei que o não da menina Eloá foi o único.

Faltaram muitos outros nãos nessa história toda.

Faltou um pai e uma mãe dizerem que a filha de 12 anos NÃO podia namorar um rapaz de 19.
Faltou uma outra mãe dizer que NÃO iria sucumbir ao medo e ir lá tirar o filho do tal apartamento a puxões de orelha.
Faltou outros pais dizerem que NÃO iriam atender ao pedido de um policial maluco de deixar a filha voltar para o cativeiro de onde, com sorte, já tinha escapado com vida.

Faltou a polícia dizer NÃO ao próprio planejamento errôneo de mandar a garota de volta pra lá.
Faltou o governo dizer NÃO ao sensacionalismo da imprensa em torno do caso, que permitiu que o tal sequestrador conversasse e chorasse compulsivamente em todos os programas de TV que o procuraram.

Simples assim. NÃO.

Pelo jeito, a única que disse não nessa história foi punida com uma bala na cabeça.

O mundo está carente de nãos. Vejo que cada vez mais os pais e professores morrem de medo de dizer não às crianças.

Mulheres ainda têm medo de dizer não aos maridos (e alguns maridos, temem dizer não às esposas). Pessoas têm medo de dizer não aos amigos. Noras que não conseguem dizer não às sogras, chefes que não dizem não aos subordinados, gente que não consegue dizer não aos próprios desejos.

E assim são criados alguns monstros.

Talvez alguns não cheguem a sequestrar pessoas. Mas têm pequenos surtos quando escutam um não, seja do guarda de trânsito, do chefe, do professor, da namorada, do gerente do banco. Essas pessoas acabam crendo que abusar é normal. E é legal.

Os pais dizem, 'não posso traumatizar meu filho'. E não é raro eu ver alguns tomando tapas de bebês com 1 ou 2 anos. Outros gastam o que não têm em brinquedos todos os dias e festas de aniversário faraônicas para suas crias. Sem falar nos adolescentes.

Hoje em dia, é difícil ouvir alguém dizer:

   não, você não pode bater no seu amiguinho.
   Não, você não vai assistir a uma novela feita para adultos.
   Não, você não vai fumar maconha enquanto for contra a lei.
   Não, você não vai passar a madrugada na rua.
   Não, você não vai dirigir sem carteira de habilitação.
   Não, você não vai beber uma cervejinha enquanto não fizer 18 anos.
   Não, essas pessoas não são companhias pra você.
   Não, hoje você não vai ganhar brinquedo ou comer salgadinho e chocolate.
   Não, aqui não é lugar para você ficar.
   Não, você não vai faltar na escola sem estar doente.
   Não, essa conversa não é pra você se meter.
   Não, com isto você não vai brincar.
   Não, hoje você está de castigo e não vai brincar no parque.

Crianças e adolescentes que crescem sem ouvir bons, justos e firmes NÃOS crescem sem saber que o mundo não é só deles. E aí, no primeiro não que a vida dá (e a vida dá muitos) surtam. Usam drogas. Compram armas. Transam sem camisinha. Batem em professores. Furam o pneu do carro do chefe. Chutam mendigos e prostitutas na rua. E daí por diante.

Não estou defendendo a volta da educação rígida e sem diálogo, pelo contrário. Acredito piamente que crianças e adolescentes tratados com um amor real, sem culpa, tranquilo e livre, conseguem perfeitamente entender uma sanção do pai ou da mãe, um tapa, um castigo, um não.

Intuem que o amor dos adultos pelas crianças não é só prazer - é também responsabilidade. E quem ouve uns nãos de vez em quando também aprende a dizê-los quando é preciso. Acaba aprendendo que é importante dizer não a algumas pessoas que tentam abusar de nós de diversas maneiras, com respeito e firmeza, mesmo que sejam pessoas que nos amem.

O não protege, ensina e prepara.

Por mais que seja difícil, eu tento dizer não aos seres humanos que cruzam o meu caminho quando acredito que é hora - e tento respeitar também os nãos que recebo. Nem sempre consigo, mas tento. Acredito que é aí que está a verdadeira prova de amor.

E é também aí que está a solução para a violência cada vez mais desmedida e absurda dos nossos dias.

terça-feira, outubro 07, 2008

Em toda luta por um ideal se tropeça


Em toda luta por um ideal se tropeça por adversários e se cria inimizades.
O homem firme não ouve e nem se detém a contá-los.
Segue sua rota irredutível em sua fé imperturbável em sua ação, porque quem marcha em direção de uma luz não pode ver o que ocorre nas sombras.
 
Boomp3.com

segunda-feira, outubro 06, 2008

COMO MANTER-SE JOVEM

COMO MANTER-SE JOVEM 
cid:part1.00060505.02060405@mct.gov.br
1. Deixe fora os 
números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura. 
Deixe que os médicos se preocupem com isso.
  

2. Mantenha só os 
amigos divertidos. Os depressivos puxam para baixo. 
(Lembre-se disto se for um desses depressivos!) 


cid:part2.02060606.00020300@mct.gov.br
3. Aprenda 
sempre: 
Aprenda mais sobre computadores, artes, jardinagem, o que quer que seja. Não deixe que o cérebro se torne preguiçoso. 
'Uma mente preguiçosa é oficina do Alemão.' E o nome do Alemão é Alzheimer!
 

4. Aprecie 
mais as pequenas coisas 


cid:part3.07090104.00060201@mct.gov.br
5. Ria 
muitas vezes, durante muito tempo e alto. Ria até lhe faltar o ar. 
E se tiver um amigo que o faça rir, passe muito e muito tempo com ele / ela!


cid:part4.02030003.09050107@mct.gov.br
6. Quando 
as lágrimas aparecerem 
Aguente, 
 chore,  sofra e ultrapasse. 
A única pessoa que fica conosco toda a nossa vida somos nós próprios. 
VIVA enquanto estiver vivo.
 

7. Rodeie-se 
das coisas que ama: 
Quer seja a família, animais, plantas, hobbies, o que quer que seja. 
O seu lar é o seu refugio.
 

cid:part5.08070407.00030003@mct.gov.br
8. Tome 
cuidado com a sua saúde: 
Se é boa, mantenha-a. 

Se é instável, melhore-a. 
Se não consegue melhora-la , procure ajuda.
 

9. Não faça 
viagens de culpa. Faça uma viagem ao centro comercial, até a um país diferente, 
    mas NÃO para onde  haja culpa 

cid:part6.06030802.02050808@mct.gov.br
10. Diga 
às pessoas que ama que as ama a cada oportunidade. 

cid:part7.02000007.08020407@mct.gov.br
E, se 
não mandar isto a pelo menos quatro pessoas - quem é que se importa? 
Serão apenas menos quatro pessoasque deixarão de sorrir ao ver umamensagem sua. 
Mas 
se puder pelo menos partilhe com alguém! 

cid:part8.02070200.00000008@mct.gov.br


segunda-feira, julho 28, 2008

Mahatma Gandhi : Uma mensagem

Vídeo: Pensamentos de Mahatma Gandhi



“Se eu pudesse deixar algum presente a você, deixaria aceso o sentimento de amar a vida.

A consciência de aprender tudo o que foi ensinado pelo tempo afora.

Lembraria os erros que foram cometidos para que não mais se repetissem.

Daria a capacidade de escolher novos rumos, novos caminhos.

Deixaria, se pudesse, o respeito àquilo que é indispensável.

Além do pão, o trabalho.

Além do trabalho, a ação.

Além da ação o cultivo à amizade.

E, quando tudo mais faltasse, deixaria um segredo:

O de buscar no interior de si mesmo a resposta e a força para encontrar a saída”.



Gandhi




domingo, julho 13, 2008

Uma bela mensagem de Senna para você

"Nunca devemos ter medo de ladrões ou assassinos.São perigos externos e os menores que existe.Temamos, a nós mesmos.Os preconceitos é que são ladrões; os vícios é que são assassinos.Os grandes perigos estão dentro de nós. Preocupemo-nos com o que põe em risco a nossa alma."
"Há várias razões para se odiar uma pessoa e só uma para amá-la, essa prevalece"
"Ser santo é exceção; ser justo é regra. Errem, desfaleçam, pequem, mas sejam justos."

domingo, junho 22, 2008

Só Hoje - Jota Quest

Só Hoje
Jota Quest
Composição: Fernanda Mello e Rogério Flausino

Hoje eu preciso te encontrar de qualquer jeito
Nem que seja só pra te levar pra casa
Depois de um dia normal...
Olhar teus olhos de promessas fáceis
E te beijar a boca de um jeito que te faça rir
(que te faça rir)

Hoje eu preciso te abraçar...
Sentir teu cheiro de roupa limpa...
Pra esquecer os meus anseios e dormir em paz!

Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
Em estar vivo.

Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar...
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia...
Que eu faço tudo errado sempre, sempre.

Hoje preciso de você
Com qualquer humor, com qualquer sorriso
Hoje só tua presença
Vai me deixar feliz
Só hoje

(solo)

Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
Em estar vivo.

Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar...
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia...
Que eu faço tudo errado sempre, sempre.

Hoje preciso de você...
Com qualquer humor, com qualquer sorriso!
Hoje só tua presença...
Vai me deixar feliz.
Só hoje (repete 2x)



Um dia voce aprende

Um dia você aprende

Willian Shakespeare

Um dia você aprende que...

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma.

E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança.

E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas.

E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo.

E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam...E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la, por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se leva anos para se construir confiança e apenas segundos para destrui-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias.

E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você é na vida.

E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos.

Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que você mesmo pode ser.

Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.

Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, mas se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências.

Aprende que paciência requer muita prática.

Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou.

Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.

Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não lhe dá o direito de ser cruel.

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.

Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.

Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais.

E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar, se não fosse o medo de tentar.

segunda-feira, maio 26, 2008

Eu sempre amarei você - I Will Always love You: Whitney Houston

Vídeo: Whitney Houston - I Will Always Love You



I Will Always love You
Whitney Houston



Se eu ficasse
Bem, Eu apenas estaria em seu caminho
Portanto partirei, mas eu sei
Que Eu pensarei em você a cada passo do caminho

E eu sempre amarei você
Sempre amarei você

Você meu querido, você

Lembranças doces
É tudo que estou levando comigo
Portanto, adeus
Por favor, não chore
Porque ambos sabemos que
Eu não sou o que você, você precisa...

Mas eu sempre amarei você
Sempre amarei você

Eu espero que a vida te trate bem
E espero que você tenha tudo que sonhou
E desejo, pra você prazer e felicidade
Mas, acima disso tudo, eu desejo pra você amor

E eu sempre amarei você
Eu sempre amarei você
Eu, eu sempre amarei você

Você, querido, eu amo você
Oh.. eu sempre, sempre amarei você

sábado, maio 24, 2008

Apaixona-se

APAIXONE-SE...


Apaixone-se definitivamente pelo SEU SONHO. O sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu.

Apaixone-se pelo SEU TALENTO, mesmo que seu crítico insista para você escolher realizar outras coisas, mais "convenientes".

Apaixone-se mais pela SUA VIAGEM do que pela chegada a seu destino, pois só a viajem é garantida.

Apaixone-se pelo SEU CORPO, mesmo que ele esteja fora de forma, pois de "qualquer forma" ele é a única casa que você realmente possui.

Apaixone-se pelas SUAS MEMÓRIAS mais deliciosas, ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor.

Apaixone-se PELAS BESTEIRAS SAUDÁVEIS que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse, elas ajudam a sobreviver.

Apaixone-se PELO SOL, ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer.

Apaixone-se primeiro POR ALGUÉM. Não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança.

Apaixone-se PELA DANÇA DA VIDA, que está sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesas nós teimamos em algemar.

Apaixone-se mais PELO SIGNIFICADO DAS COISAS que você conquistar do que pelo seu valor material.

Apaixone-se por SUAS IDÉIAS, mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada.

Apaixone-se por SEUS PONTOS FORTES, mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro.

Apaixone-se PELA IDÉIA DE SER VERDADEIRAMENTE FELIZ. Felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores.

Apaixone-se definitivamente POR VOCÊ!
APAIXONE-SE RÁPIDO!
O PODER DE DECISÃO SÓ PERTENCE
A VOCÊ!

(Desconheço a Autoria)

sexta-feira, maio 23, 2008

Eu Quero Saber o Que é o Amor : Foreigner - I wanna know what love is video

I Want to Know What Love Is (tradução)
Foreigner


Eu Quero Saber o Que é o Amor

Eu preciso achar um tempo
Um tempo para pesar melhor as coisas
É melhor eu ler nas entrelinhas
Caso eu precise quando envelhecer
Eu preciso escalar esta montanha
Parece que o mundo está sobre os meus ombros
Através das nuvens eu vejo o amor brilhar
Ele me aquece enquanto a vida vai ficando mais fria

Na minha vida
Só tem havido sofrimento e dor
E eu não sei, se eu posso encarar isso de novo
Eu não posso parar agora
Eu já fui longe demais
Para mudar esta minha vida solitária

Eu quero saber o que é o amor
Eu quero que você me mostre
Eu quero sentir o que é o amor
E eu sei que você pode me mostrar
Eu vou achar um tempo
Um tempo para cuidar melhor de mim
Não sobrou nenhum lugar para me esconder
Parece que o amor finalmente me encontrou
Na minha vida
Só tem havido sofrimento e dor
E eu não sei, se eu posso encarar isso de novo
Eu não posso parar agora
Eu já fui longe demais
Para mudar esta minha vida solitária

Eu quero saber o que é o amor
Eu quero que você me mostre
Eu quero sentir o que é o amor
E eu sei que você pode me mostrar
Pare meu amor
Amor, você pode sentir no seu interior
Eu me sinto muito apaixonado

sexta-feira, maio 09, 2008

À querida mamãe, com carinho

Vídeo: Mãe "Sérgio Saas"


QUERIDA MAMÃE

Tu que nos guardaste em teu ventre aquecido e do mundo fomos protegidos...
Tu que nos trouxeste para a vida, o que mais poderiamos querer?
Nos deste um cantinho dentro de ti e já crescidinhos nascemos para te conhecer...
Em teus braços fomos acalentados com teu amor e dedicação.
Nosso coração por ti, todos os dias acariciado...
Te conhecer por fora é só uma forma de nos fortalecer para o mundo, mas o que há de mais profundo vem do teu íntimo Ser...
Oh!maravalhosa Criatura...Nascida do Amor Divino
que nos ampara a todos os momentos de nosso Viver!
O que mais poderiamos querer?
Rogar com todas as forças que Deus abençoe a todas as mães e se nem sempre ao nosso lado podemos te ter até tua lembrança nos faz reviver...que maravilha ...
você nunca estará sozinha Querida Mamãe!


José Guilherme S. Filho

quarta-feira, maio 07, 2008

Parece ser mesmo uma chave para a felicidade


A famosa frase de pára-choque de caminhão “Não tenho tudo que quero, mas amo tudo que tenho”, parece ser mesmo uma chave para a felicidade.

A vida não é feita que coisas que temos ou não. Uma nova pesquisa revela uma abordagem mais variada da vida: Indivíduos que querem o que eles têm tendem a ser mais felizes que os demais.

Os resultados do estudo, detalhado na edição de abril da revista científica Psychological Science, sugere que um segredo para alcançar maior felicidade é continuar querendo as coisas que você já possui.

O novo celular ou o última televisão de plasma pode parecer a melhor opção na hora da compra. Mas com o tempo até o melhor produto fica desatualizado e, os pesquisadores dizem, você irá atribuir menor felicidade àquele item.

“Ter um monte de coisas simplesmente não é a chave para a felicidade”, disse Jeff Larsen, um psicólogo da Universidade Texas Tech, nos EUA. “Nossos dados mostram que você também precisa dar valor às coisas que possui. É também importante manter o desejo por coisas que você não possui sob controle.”

Jeff e sua colega Amie McKibban pesquisaram 126 estudantes de graduação de ambos os sexos que deveriam indicar se possuíam ou não coisas de uma lista com 52 itens como carro, som, patins ou cama.

Os estudantes que possuíssem um carro, por exemplo, deveriam dar uma nota do quando eles queriam aquele mesmo carro em uma escala que variava “não queria” até “queria muito”. Aqueles que não possuíam um carro deveriam dar a nota do quanto eles queriam um.

Outros questionários e pesquisas sobre satisfação de vida e bem-estar geral revelaram que os estudantes que queriam mais o que eles já possuíam eram mais felizes do que os indivíduos menos fãs de suas posses. As pessoas mais satisfeitas com suas posses também eram mais felizes do que estudantes que tinham menos itens da sua lista de “quero ter”.

O fato dos estudantes quererem coisas dos tipos que não possuíam (por exemplo: os que não tinham, mas queriam muito um carro) não teve impacto na felicidade.


quarta-feira, abril 30, 2008

Acorda e cuidado! Vampiros existem! É sério!


VAMPIROS

Eu não acredito em gnomos ou duendes, mas vampiros existem. Fique ligado, eles podem estar numa sala de bate-papo virtual, no balcão de um bar, no estacionamento de um shopping. Vampiros e vampiras aproximam-se com uma conversa fiada, pedem seu telefone, ligam no outro dia, convidam para um cinema. Quando você menos espera, está entregando a eles seu rico pescocinho e mais. Este "mais" você vai acabar descobrindo o que é com o tempo.

Vampiros tratam você muito bem, têm muita cultura, presença de espírito e conhecimento da vida. Você fica certo que conheceu uma pessoa especial. Custa a se dar conta de que eles são vampiros, parecem gente. Até que começam a sugar você. Sugam todinho o seu amor, sugam sua confiança, sugam sua tolerância, sugam sua fé, sugam seu tempo, sugam suas ilusões. Vampiros deixam você murchinha, chupam até a última gota. Um belo dia você descobre que nunca recebeu nada em troca, que amou pelos dois, que foi sempre um ombro amigo, que sempre esteve à disposição, e sofreu tão solitariamente que hoje se encontra aí, mais carniça do que carne.

Esta é uma historinha de terror que se repete ano após ano, por séculos. Relações vampirescas: o morcegão surge com uma carinha de fome e cansaço, como se não tivesse dormido a noite toda, e você se oferece para uma conversa, um abraço, uma força. Aí ele se revitaliza e bate as asinhas. Acontece em São Paulo, Manaus, Recife, Florianópolis, em todo lugar, não só na Transilvânia. E ocorre também entre amigos, entre colegas de trabalho, entre familiares, não só nas relações de amor.

Doe sangue para hospitais. Dê seu sangue por um projeto de vida, por um sonho. Mas não doe para aqueles que sempre, sempre, sempre vão lhe pedir mais e lhe retribuir jamais.

Martha Medeiros

sábado, abril 26, 2008

Eu Vou Seguir



Eu Vou Seguir
Marina Elali
Composição: Indisponível

Eu sei,
Que os sonhos são pra sempre.
Eu sei,
Aqui no coração...
Eu vou ser mais do que eu sou
Pra cumprir as promessas que eu fiz
Porque eu sei que é assim
Que os meus sonhos dependem de mim

Refrão
Eu vou tentar, sempre
E acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais.
Eu vou seguir, sempre
Saber que ao menos eu tentei
E vou tentar mais uma vez
Eu vou seguir...

Não sei,
Se os dias são pra sempre.
Guardei,
Você no coração...
Eu vou correndo atrás,
Aprendi que nunca é demais
Vale a pena insistir
Minha guerra é encontrar minha paz...

Refrão
Eu vou tentar, sempre
E acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais.
Eu vou seguir, sempre
Saber que ao menos eu tentei
E vou tentar mais uma vez
Eu vou seguir...

sexta-feira, março 14, 2008

Sinto Vergonha de Mim (Poesia de Cleide Canton)

Sinto vergonha de mim!

"Por ter sido educadora de parte desse povo,

por ter batalhado sempre pela justiça,

por compactuar com a honestidade,

por primar pela verdade

e por ver este povo já chamado varonil

enveredar pelo caminho da desonra.



Sinto vergonha de mim

por ter feito parte de uma era

Que lutou pela democracia,

pela liberdade de ser

e ter que entregar aos meus filhos,

simples e abominavelmente,

a derrota das virtudes pelos vícios,

a ausência da sensatez

no julgamento da verdade,

a negligência com a família,

célula-mater da sociedade,

a demasiada preocupação

com o "eu" feliz a qualquer custo,

buscando a tal "felicidade"

em caminhos eivados de desrespeito

para com o seu próximo.



Tenho vergonha de mim

pela passividade em ouvir,

sem despejar meu verbo,

a tantas desculpas ditadas

pelo orgulho e vaidade,

a tanta falta de humildade

para reconhecer um erro cometido,

a tantos "floreios" para justificar

atos criminosos,

a tanta relutância

em esquecer a antiga posição

de sempre "contestar",

voltar atrás

e mudar o futuro.



'Tenho vergonha de mim

pois faço parte de um povo

que não reconheço,

enveredando por caminhos

que não quero percorrer...



Tenho vergonha da minha impotência,

da minha falta de garra,

das minhas desilusões

e do meu cansaço.

Não tenho para onde ir

pois amo este meu chão,

vibro ao ouvir meu Hino

e jamais usei a minha Bandeira

para enxugar o meu suor

ou enrolar meu corpo

na pecaminosa manifestação de nacionalidade.



Ao lado da vergonha de mim,

tenho tanta pena de ti, povo brasileiro!





"De tanto ver triunfar as nulidades,

de tanto ver prosperar a desonra,

de tanto ver crescer a injustiça,

de tanto ver agigantarem-se os poderes

nas mãos dos maus,

o homem chega a desanimar da virtude,

a rir-se da honra,

a ter vergonha de ser honesto".



Ruy Barbosa

Rolando Boldrin, que a princípio pensava tratar-se de um poema de Ruy Barbosa, se retrata e o declama com sua proverbial competência:



domingo, fevereiro 17, 2008

Poesia:Amor tântrico poético

quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Consumismo

Consumismo

Até que ponto somos viciados em nossos confortos mundanos? Ao extremo. Em primeiro lugar, existem coisas convencionalmente viciantes. Se você for viciado em nicotina ou álcool, conhece bem o significado do vício. Podemos também ser viciados em drogas receitadas por médicos, sexo, tranquilizantes, moda e experiências.

O vício automobilístico é particularmente extenuante. O custo da manutenção dos carros é, com freqüência, muitas vezes mais alto do que o próprio custo inicial do carro. O custo do combustível, do óleo, do seguro, do pedágio, o custo da assistência médica para curar feridos em acidentes, o custo total do vício automobilistico gira em torno de trilhões de dólares.

Roupas, aparelhos eletrônicos, diversão - nossos olhos, ouvidos e mentes são incitados constantemente a adquirir no-vas máquinas a fim de participar de grandes redes e comunidades de consumo.

A questão é que, em nossa busca eterna de estímulos externos, desperdiçamos e consumimos sem nos satisfazermos. Quando um novo carro nos tornou permanentemente felizes? Um novo amante? Uma roupa nova? O prazer é tão fugidio quanto o desejo original de consumir, fazendo com que nos voltemos cada vez mais para o exterior. A chave para acabar com esse ciclo é descobrir a fonte de descontentamento e entender que ela nunca secará. Quando pararmos de trabalhar para o chefe que nunca se satisfaz, poderemos então apreciar ou desfrutar de algo sem o sofrimento de sua futura e inevitável perda, sem o desejo urgente de ter mais - em outras palavras, sem dependência. Dessa maneira, é possível ter a experiência do verdadeiro prazer. Essa é a versão interior da revolução tranqüila.



terça-feira, janeiro 29, 2008

A vida (Charles Chaplin)

A vida (Charles Chaplin)


"Já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis e esquecer pessoas inesquecíveis.

Já fiz coisas por impulso, já me decepcionei com pessoas que nunca pensei que iriam me decepcionar, mas também decepcionei alguém.

Já abracei pra proteger, já dei risada quando não podia, fiz amigos eternos, amei e fui amado, mas também já fui rejeitado, fui amado e não amei.

Já gritei e pulei de tanta felicidade, já vivi de amor e fiz juras eternas, 'quebrei a cara' muitas vezes.

Já chorei ouvindo música e vendo fotos, já liguei só pra escutar uma voz, me apaixonei por um sorriso, já pensei que fosse morrer de tanta saudade e tive medo de perder alguém especial (e acabei perdendo)!

Mas vivi! E ainda Vivo!

Não passo pela vida... e você também não deveria passar. Viva!

Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante."

sábado, janeiro 26, 2008

RECOMEÇAR... (Carlos Drummond de Andrade)

Recomeçar - Carlos Drummond de Andrade

Não importa onde você parou…
em que momento da vida você cansou…
o que importa é que sempre é possível e
necessário “Recomeçar”.


Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo…
é renovar as esperanças na vida e o mais importante…
acreditar em você de novo.

Sofreu muito nesse período?
foi aprendizado…

Chorou muito?
foi limpeza da alma…

Ficou com raiva das pessoas?
foi para perdoá-las um dia…

Sentiu-se só por diversas vezes?
é porque fechaste a porta até para os anjos…

Acreditou que tudo estava perdido?
era o início da tua melhora…

Pois é…agora é hora de reiniciar…de pensar na luz…
de encontrar prazer nas coisas simples de novo.

Que tal
Um corte de cabelo arrojado…diferente?
Um novo curso…ou aquele velho desejo de aprender a
pintar…desenhar…dominar o computador…
ou qualquer outra coisa…

Olha quanto desafio…
quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te
esperando.

Tá se sentindo sozinho?
besteira…tem tanta gente que você afastou com o
seu “período de isolamento”…
tem tanta gente esperando apenas um sorriso teu
para “chegar” perto de você.

Quando nos trancamos na tristeza…
nem nós mesmos nos suportamos…
ficamos horríveis…
o mal humor vai comendo nosso fígado…
até a boca fica amarga.

Recomeçar…
hoje é um bom dia para começar novos
desafios.

Onde você quer chegar?
ir alto…sonhe alto… queira o
melhor do melhor… queira coisas boas para a vida…
pensando assim trazemos prá nós aquilo que desejamos…
se pensamos pequeno…
coisas pequenas teremos…

já se desejarmos fortemente o melhor e principalmente
lutarmos pelo melhor…
o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da faxina mental…
joga fora tudo que te prende ao passado… ao mundinho
de coisas tristes…

fotos…peças de roupa, papel de bala…ingressos de
cinema, bilhetes de viagens…
e toda aquela tranqueira que guardamos
quando nos julgamos apaixonados…
jogue tudo fora… mas principalmente…
esvazie seu coração… fique pronto para a vida…
para um novo amor…

Lembre-se somos apaixonáveis…
somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes…
afinal de contas…
Nós somos o “Amor”…

” Porque sou do tamanho daquilo que vejo, e não do
tamanho da minha altura.”

(Carlos Drummond de Andrade)

Amigos para Siempre

Desta vida nada se leva...

Só se deixa...
Então, te deixo o meu melhor...
Meu melhor sorriso,
Meu maior abraço,
Minha melhor história,
Minha melhor intenção,
Toda minha compreensão
E do meu amor, a maior porção
Só quero ficar na memória de alguém
como outro alguém que era do bem!

Amigos

Amigos...
Unem-se Pelo Coração!!!

Sem palavras,
Sem compromissos,
Sem cobranças,
Sem trapaças...
Sem interesses,
Sem suscetibilidades,
Sem expectativas,
Sem culpas,
Sem vaidades...
Quem pensa que engana,
Engana-se...
Não é possível
enganar um coração!
Somente os sentimentos
podem unir pessoas
Quaisquer que sejam.
Sejam bons ou maus,
a reciprocidade faz o elo.
Que o nosso elo seja verdadeiro,
um sentimento de coração a coração...

terça-feira, janeiro 22, 2008

Mensagem de amor...

Que Deus não permita que eu perca o romantismo,
mesmo eu sabendo que as rosas não falam;

Que eu não perca o otimismo,
mesmo sabendo, que o futuro que nos espera não é assim tão alegre;

Que eu não perca a vontade de viver,
mesmo sabendo que a vida é em muitos momentos dolorosa;

Que eu não perca a vontade de ter grandes amigos,
mesmo sabendo que com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas;

Que eu não perca a vontade de ajudar as pessoas,
mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver, reconhecer e retribuir esta ajuda;

Que eu não perca o equilíbrio,
mesmo sabendo que inúmeras forcas querem que eu caia;

Que eu não perca a vontade de amar,
mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo pode não sentir o mesmo sentimento pôr mim;

Que eu não perca a luz e o brilho no olhar,
mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo escurecerão meus olhos;

Que eu não perca a garra,
mesmo sabendo que a derrota e a perda são dois adversários extremamente poderosos;

Que eu não perca a razão,
mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas;

Que eu não perca o sentimento de justiça,
mesmo sabendo que o prejudicado pode ser eu;

Que eu não perca o meu forte abraço,
mesmo sabendo que um dia meus braços estarão fracos;

Que eu não perca a beleza e a alegria de ver,
mesmo sabendo que muitas lagrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão pôr minha alma;

Que eu não perca o amor pôr minha família,
mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigirá esforços incríveis para manter sua harmonia;

Que eu não perca a vontade de doar este enorme amor que existe em meu coração,
mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado;

Que eu não perca a vontade de ser grande,
mesmo sabendo que o mundo é pequeno;

E acima de tudo...

Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente,
que um pequeno grão de alegria e esperançaa dentro de cada um é capaz de mudar
e transformar qualquer coisa, pois,

A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS E CONCRETIZADA NO AMOR!

-- Francisco C. Xavier --

quinta-feira, janeiro 10, 2008

The Temptations - My Girl (Tradução) Lyrics

My Girl (Tradução) Lyrics (The Temptations)

The Temptations - My Girl (Tradução) Lyrics

Eu tenho o brilho do sol
Num dia nublado
Quando está frio lá fora
Para mim é como se fosse a primavera

Bem, você vai me perguntar:
O que me faz se sentir desse jeito?
Minha garota (minha garota, minha garota)
Eu estou falando da minha garota (minha garota)

Eu tenho muito mel
As abelhas me mandam
Eu tenho uma doce canção
Como os pássaros nas árvores

Bem, você vai me perguntar:
O que te faz se sentir desse jeito?
Minha garota (minha garota, minha garota)
Eu estou falando da minha garota (minha garota)

Eu não preciso de dinheiro
Fortuna ou fama
Eu tenho todas as riquezas
Que um homem pode desejar

Bem, você vai me perguntar:
O que te faz se sentir desse jeito?
Minha garota (minha garota, minha garota)
Eu estou falando da minha garota (minha garota)

Eu estou falando da minha garota
Eu tenho o brilho do sol num dia nublado
Com minha garota
Eu sempre estou na primavera
Com minha garota

Eu estou falando da minha garota...


She (tradução) Lyrics (Elvis Costello)

She (tradução) Lyrics (Elvis Costello)

Elvis Costello - She (tradução) Lyrics

Ela

Ela pode ser o rosto que não esquecerei
Um traço de prazer ou de tristeza
Talvez meu tesouro ou o preço que
tenho de pagar
Ela pode ser a música que o verão canta
Talvez o frescor que o outono traz
Talvez centenas de coisas diferentes
No espaço de um dia

Ela pode ser a bela ou a fera
Talvez a fartura ou a fome
Pode transformamr cada dia num paraíso ou num inferno
Ela pode ser o espelho do meu sonho
Um sorriso refletido na água
Ela pode não ser o que parece ser
Dentro de sua concha

Ela que sempre parece tão feliz na multidão
Com o olhos tão pessoais ou tão orgulhosos
Mas que não podem ser vistos quando choram
Pode ser o amor que não se deve esperar que dure
Pode vir para mim como sombras do passado
Que me lembrarei até o dia de minha morte

Ela deve ser a razão para que eu sobreviva
O motivo de eu estar vivo
De quem eu cuidarei na alegria e na tristeza

Eu acolherei seu riso e suas lágrimas
E os guardarei como meus souvenirs
Por onde ela for eu tenho que estar
O sentido da minha vida é
Ela
Ela, oh, ela

Quem fala demais dá bom dia a cavalo!

Vídeo: Silêncio ...



Quem fala demais dá bom dia a cavalo!Maria Aparecida A. Araújo*

Muitas vezes somos traídos pela tendência de falar sem pensar e de forma irrefletida.

Deus, em sua infinita sabedoria, nos fez possuidores de uma só boca e dois ouvidos, querendo com isso que utilizássemos em dobro nossa capacidade de ouvir e nos habituássemos à contenção de palavras inúteis e julgamentos inconvenientes.

Geralmente, quando estamos zangados, expressamos juízos e conceitos dos quais muito nos arrependemos, quando a calma sobrevém. Mas, muitas vezes, esse arrependimento não é suficiente para remediarmos os danos causados às outras pessoas.

Charles Chaplin cunhou uma frase que me parece bastante apropriada para nos alertar sobre a armadilha do "falar demais": "Cuidado com as palavras pronunciadas em discussões e brigas que revelem sentimentos e pensamentos que na realidade você não sente e não pensa... pois, minutos depois, quando a raiva passar, você delas não se lembrará mais... Porém, aquele a quem tais palavras foram dirigidas, jamais as esquecerá..."

Geralmente, reagimos com visível desagrado a dicas e sugestões de pessoas que nos querem bem, visando nossa melhoria íntima. São temas que nos parecem chatos e maçantes. Certamente, se levadas em conta, muitas dessas palavras, plenas de sabedoria, representariam mudança de conduta e o abandono de muitos vícios.

Nem sempre o "falar demais" manifesta-se nas horas de raiva. Muitas vezes, a tendência em falar mais da vida alheia que dos valores que nos enriquecem a existência incentiva a proliferação de boatos e fofocas.

Quando surge um colega trazendo informações sobre as últimas novidades dos namoros, demissões e problemas dos outros, o tempo que parecia não existir aparece, o cansaço e a falta de paciência cedem imediatamente lugar ao interesse e à curiosidade.

Como seria proveitoso se pudéssemos dedicar esse mesmo interesse e atenção para ouvir e ajudar muitos amigos que nos procuram para um diálogo saudável, muitas vezes com inquietações e angústias, e nós simplesmente não temos tempo e sensibilidade suficientes para escutar.

Aliás, como é difícil para todas as pessoas parar para escutar. Somos ávidos por falar; vivemos ansiosos porque falamos muito e escutamos pouco ou quase nada. Nossa palavra sempre deve ter o maior peso. Queremos ter sempre a primeira e a última palavra.

Saber ouvir exige que façamos opção consciente em apreender o que se passa com o outro, de forma solidária e sem preconceitos, com o objetivo de buscarmos o entendimento. O diálogo nem sempre é uma tarefa fácil, pois envolve a disponibilidade para aprender novas idéias, quando antes gostaríamos de ensinar; humildade para reconhecer que não somos perfeitos e que não sabemos tudo a respeito de todos os assuntos e admitir a coerência de fundamentos e idéias que não são nossos.

Ouvir é diferente do simples ato de escutar. Escutar é o uso puro e simples do sentido da audição e só não escuta quem é surdo. Ouvir é muito mais profundo pois envolve a pessoa por inteiro e é um processo ativo, ao contrário do que a maioria das pessoas pensa ser.

Exercitar a arte de ouvir o nosso semelhante apura nossa sensibilidade, permitindo-nos romper a concha de isolamento criada pelo individualismo - outra das características negativas da nossa sociedade - e participar das experiências e emoções das outras pessoas.

Wendell Johnson, grande teórico da comunicação, escreveu: "Nossa vida seria mais longa e rica se despendêssemos a maior parte dela na tranqüilidade silenciosa do ouvir pensativamente".

Somos um bando turbulento, e daquilo que chega a ser dito entre nós muito mais passa despercebido e não ouvido do que se poderia imaginar. Temos, ainda, que aprender a usar as maravilhas do falar e do ouvir em nosso próprio e melhor interesse e para o bem de nossos semelhantes. Essa é, também, a mais extraordinária das artes a ser dominada pelo homem.

Ouvir é renunciar! É a mais alta forma de altruísmo em tudo quanto essa palavra signifique de amor e atenção ao próximo. Talvez por essa razão a maioria das pessoas ouça tão mal, ou simplesmente não ouça. Vivemos imersos em cogitações pessoais e é raro conseguirmos passar algum tempo sem pensar em nós mesmos."

Para falar bem não basta uma boca. Há muita gente que, não sabendo usá-la, tem feito um grande estrago com o que diz. Antes de nos julgarmos incompreendidos e injustiçados pelo mundo, não nos devemos esquecer que a causa dos nossos problemas e do desencontro na relação com a outra pessoa pode estar alojada em nós mesmos.

Saber ouvir leva tempo, prática e paciência. É uma arte que mantém vivos o respeito, a afeição, a amizade, o sentimento de confiança que o outro deposita em nós. Faz com que nossos clientes, colegas de trabalho, filhos, cônjuges e namorados, sintam-se como pessoas importantes e amigos privilegiados. Assuma, hoje mesmo, um compromisso de falar menos e ouvir melhor.

Reflita sobre o ensinamento de Albert Schweiser que diz que "o verdadeiro valor de um homem não pode ser encontrado nele mesmo, mas nas cores e texturas que faz surgir nos outros....".

* Colaboração de Claudia Guerreiro , mão do aluno Eduardo Guerreiro

http://www.colegiohelioalonso.com.br/compartilhando/leitura03.asp